mania é imaginar uma situação que sempre acontece diferente.

pedi pra você me levar até lá, afinal, não custava nada, é do lado da nossa casa… mas que tolice a minha, você já tinha outros planos. estava interessado em outra festa. dei a ideia de conciliarmos os dois programas, seria divertido casarmos oportunidades mas, que nada, você queria curtir só a sua, afinal, a minha já não é mais tão interessante como um dia fora.

o tempo corre de maneira diferente para alguns. sintonizar momentos nem sempre é uma opção, amarrar a solidão aparece como a melhor saída. um dia pode se revelar como a solução de uma década inteira e só você mesma não o enxerga diante de si. respostas parecem incoerentes quando nos sentimos sozinhos.

porque a vida é mesmo assim, repleta de pequenas solidões.

Anúncios