apenas um

felix forest

o “viver um dia de cada vez” é mesmo bem sábio. mas ele só se torna verdeiro na vida da gente quando passa a fazer sentido dentro do contexto em que estamos vivendo. pela primeira vez me toquei de que um dia se define por si só e é a sua história o conjunto da obra. hoje aprendi que arrependimentos realmente são injustos e não deveriam existir, afinal, cada dia é um dia. o que eu fiz sábado, por exemplo, foi coerente com o que eu sentia naquele dia, exclusivamente. mas foi justamente a atitude que tive que me fez perceber, na segunda-feira, que o caminho a ser seguido não deve ser bem por ali. é extremamente importante agir para alcançar a tranquilidade depois.

hoje eu já sinto que tinha que ter feito tudo aquele dia, sim. mas agora é diferente porque cheguei a conclusões reveladoras sobre o caminho que vou trilhar para minha vida a partir de agora e já não quero mais fazer como fiz antes. foi uma consciência tão transparente que chegou a me assustar. é legal crescer e evoluir de verdade. é muito confortador aprender a aceitar os acontecimentos sem procurar por culpados ou apontar o dedo na cara do mundo. presenciamos e passamos por coisas ora ruins ora tristes, sim, porém a fortaleza de encarar de frente e lutar por coragem é essencial.

alguns fatos nos levam a altos e baixos, a tristeza e a decepção com nossos próprios desejos faz com que nossas ideias mudem com facilidade, isso é normal. mas manter a linha, seguir com a cabeça erguida e conquistar a tranquilidade são vitórias que somente se realizam se construirmos um dia com esforço e dedicação. não queira batalhar por tudo o que deseja para si de uma só vez. encare a realidade de que só temos o hoje para transformar. e vale a pena tentar vivê-lo da melhor maneira possível que você alcançar.

Anúncios