primeiro

o meu primeiro namorado não foi o meu primeiro amor. eu tive a sorte de ter o primeiro beijo com o meu primeiro amor mas ele só durou 9 cartas, 2 jogos de vôlei e 3 festinhas da escola. já o namorado decidiu ficar comigo o tempo que fosse. ele era loiro, magrinho e alto. era alegre. e sempre tinha uma banda pra me mostrar. ele pegava os vinis do irmão mais velho e, a cada semana, levava um pra minha casa. ele usava boné pra trás e jeans. sempre. quando saía comigo, era indispensável usar camisa. tinha 2 perfumes, um discman e uma agenda eletrônica no bolso. tinha uma bicicleta e me buscava no colégio todos os dias. respondia verbalmente as minhas cartas com desenhos à canetinha e os amigos dele sempre arrumavam uma piadinha ou outra na minha frente, sobre toda a minha fofice. eu sorria junto. eu realmente ainda sabia me divertir naquela época.

ele tinha 4 anos a mais que eu. foi ele quem me levou a primeira vez em uma boate. foi ele quem me levou no paintball. foi ele quem me ensinou a ir pra pista de skate perto do diamond mall. era ele quem me contava como a faculdade era e o que estava por vir. nós ficamos assim por 2 anos.

até que os meus 17 me fizeram terminar tudo pelo telefone. assim, de supetão. pedindo desculpas. explicando meio que sem explicar.

e os 21 dele o fizeram compreender que era a curiosidade quem me fez querer abrir mão de tudo o que construímos. ele foi gentil. realmente muito gentil, mesmo por telefone. e depois disso ele sempre perguntava por mim para a minha madrinha, quando a via na rua. eu sempre me lembro do felipe. vez ou outra lembro da sua loirice e seu jeito tranquilão. eu me lembro do quanto o amor doce existe e ainda, mesmo estando distante há 15 anos desta história, ainda posso sonhar e querer encontrar a pureza onde quer que ela esteja.

.………………………………………………………..
♪ para ouvir lendo ● ramones – I wanna be your boyfriend

foto: cassia beck
Anúncios